A Medicina Veterinária Veterinária do Coletivo, nova área estruturada sob a estratégia de saúde única, integra a atuação veterinária nas áreas de saúde coletiva, medicina de abrigos e medicina veterinária legal relacionadas com a interação humano, animal e ambiente.

A Universidade Federal do Paraná (UFPR), primeira universidade latino-americana a introduzir a disciplina e residência na área de Medicina Veterinária do Coletivo (MVC) (http://www.agrarias.ufpr.br/portal/mvc/), tem se dedicado às pesquisas em medicina de abrigos e auxiliado na melhoria do nível de bem-estar de cães e gatos abrigados por meio de capacitação dos gestores e funcionários e aplicação de protocolos internacionais. Como a realidade dos abrigos latino-americanos é bem diferente da americana e da europeia, novos estudos e abordagens são necessários.

O estudo “Dinâmica populacional de cães e gatos em abrigos latino-americanos” tem como objetivo conhecer a realidade dos abrigos latino-americanos para que protocolos de medicina de abrigos possam ser adequados e implementados para a América Latina. A participação dos abrigos é fundamental para o diagnóstico dessa realidade.

Se você possui u abrigo nos ajude respondendo a pesquisa pelos questionários abaixo! Caso não tenha nos ajude divulgando!! 😀

Seguem os links:
questionário em português: https://forms.gle/R2HwccDKZKKVBpoC8
questionário em espanhol: https://forms.gle/fM7q6f1pKDGD5Mei7 
Curso FOCA - Osasco/SP - FORMAÇÃO DE OFICIAIS DE CONTROLE ANIMAL